domingo, 7 de junho de 2015

Visita ao Vô-biso

Olá.

No feriado de corpus christi, fomos até Nova Petrópolis, na serra gaúcha, para visita o avô do Gustavo.
Fomos, além de nós, a tia Ana e o primo Felipe.
Posso dizer que o passeio foi ótimo, os meninos, criados em "cativeiro" puderam se soltar no extenso pátio, andaram no barro, caminharam e correram bastante!
O que me chamou a atenção foi que os meninos incluiram o Vô-biso na brincadeira, corriam pelo corredor até o quarto dele para ver se estava dormindo, e voltavam gritando que o Vô estava dormindo!
Depois chegou outra prima do Gustavo e da Ana, a Denise, e com ela, a Rafaeli e a festa se completou.

O Brian, perguntou ao Gustavo onde estava a Vó-bisa, e foi a primeira vez que esse assunto teve que ser explicado ou "contornado", pois ele se limitou a responder que a Vózinha já não estava mais ali.

Foi difícil segurar os meninos!

Gustavo, Vô e Ana

Brian, Vô e Felipe

Brian de sendo puxado! Primeira Vez!

Duplinha dinâmica!

Linda, Rafaeli

Nesse momento, Brian já queria puxar ao ser puxado - Obs.: cara de Hulk




Imagem do meu coração!


sexta-feira, 5 de junho de 2015

Últimas postagens

Estou um pouco surpresa porque eu fiquei sabendo o blogger irá terminar.

E agora, o que fazer com nosso blog?

sábado, 23 de maio de 2015

Dia das Maes + Palivizumab

Olá,

Esse dia das mães foi sensacional, a apresentação desse ano foi mais complexa, com teatro e tudo!

E eu simplesmente amei o presente: fotos da turminha neste ano!

Vendo as fotos eu me emocionei ao ver a foto das prôs do Brian, pois este é o terceiro ano dele na escolinha, e foram as prôs que cuidaram e cuidam dele nesse período, sou muito grata a elas!

Mas eu quero falar sobre a Synagis (palivizumabe), que é uma vacina para alguns tipos de virus que causam a bronqueolite, na verdade esse post está um pouco atrasado, pois a primeira dose deve ser iniciada em abril, mas vá lá, antes tarde...

Essa vacina é indicada para crianças até 2 anos de idade que tenham precisado de oxigêncio, co m problemas no trato respiratório, prematuros extremos (<28 semanas), prematuros que tenham inicio de ou risco de ter VSR (virus sincicial respiratorio) ou  com menos de 12 meses de vida e bebês que tenham algum problema respiratório com indicação e laudo do pediatra, claro. Essa é uma vacina muito importante, felizmente, por causa de um anjo, eu consegui fazer as cinco doses no Brian, diretamente pelo CRIE – Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais (Porto Alegre) e pelo Estado, sim, porque ela é bem cara.

CRIE-HSP - Av. Bento Gonçalves, 3277 – Fones: 39011400 e 3336-8802 (Hospital Sanatorio Partenon)

CRIE-HMIPV – Av. Independência , 661– Fone: 3289-3319

Você precisa levar uma série de documentos juntamente com um formulário preenchido pelo pediatra. Vou deixar um link para a verificação dos documentos necessários: aqui.

Caso, não consiga pelo CRIE você pode entrar com uma ação judicial para conseguir. Mas na minha experiencia, eu entrei com a documentação na Defensoria Publica, e fiquei esperando...e esperando...consegui pelo CRIE, fizemos todas as doses, o Brian fez aniversário de 1 ano e depois de mais um tempinho...eu recebi a visita de um agente dizendo que o Brian já tinha mais de 12 meses e a vacina não era mais indicada para ele...conclusão: se eu ficasse dependendo da justiça.....

Por falar nisso, quero aqui agradecer mais uma vez a Simone (o anjo que me telefonou me dizendo que poderiamos conseguir a vacina na Central de Vacinas (CRIE), lembro que nós ainda estávamos no Instituto de Cardiologia, esperando a alta do Brian.

Bom, vamos as fotinhos do meu amor...e da apresentação do dia das Mães:











domingo, 17 de maio de 2015

Grupos de encontro

Olá,

Faz um bom tempo que não escrevo nada sobre a nossa rotina. Na verdade, estamos vivendo num suspense desde que decidimos vender nossa casa para construir outra. Nossa vida estava tranquila e agora vivemos num turbilhão de preocupações, ansiedades, desânimos, alegrias, enfim...tudo o que uma construção pode trazer.

Mas acreditamos que nesse ano nossa casa fique pronta e aí poderemos voltar a dar ao Brian uma estabilidade, pois tínhamos a nossa "casoca", depois fomos para a casa "emprestada" e agora, estamos morando com o vô e a vó.

Ainda bem que temos os nossos grupos, onde podemos nos distrair, trocar experiências, enfim...temos o grupo de pais da Neo, onde revivemos algumas passagens dos pequenos durante a internação, nos apoiamos, de vez enquando nos encontramos, e esses encontros sempre são muito agradáveis e alegres.

Outro grupo que participo é o de mães da mãe ursa, onde também conversamos bastante sobre o que acontece na escolinha e a rotina em casa, também há encontros programados para integração das crianças (mais!!!) e das mães, me ajuda muito a perceber que tem outras mães que têm as mesmas preocupações e dificuldades!

A seguir algumas fotos do último encontro na turminha da NEO.

Turminha animada, meninas adoram cantar "Frozen"

Brian na disputa pelo sorvete!

Essa turminha é tudo!!!!!!

Impressionados com o peixe!
Nós, os pais!
E algumas fotos do grupo de mães da Mãe Ursa!

Nós, mães!

As crianças do Jardim!


sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Mais uma ano se passou...

Bom dia,

Hoje é o dia D, o dia do nascimento do Brian, que para nós foi muito marcante, embora eu não lembre muito bem dos detalhes, sei que nesse horário, eu estava na sala de recuperação, apavorada com o que poderia acontecer com o meu bebê e ao mesmo tempo morrendo de coceira, eu olhava para o lado e lá estava meu companheiro, meu amor, sentado, também apavorado de me ver naquele estado, então ele me deixava e ia na CTI ver o nosso RN e vinha mais apavorado ainda.

O Brian é a luz da nossa vida, parabéns filho pelo seu aniversário! São 4 anos de muito amor, muitas brigas, muitas situações engraçadas, enfim...muitas emoções!

Nossa Familia!

Meu heroi - fase linda, de muita fantasia!

Primeira Vez no cinema

Hoje, ao acordar!

Hoje!

Meu artista



segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Visita do primo Pietro

Bom dia,

Neste final de ano, recebemos a visita do meu irmão Diego e Karina, minha cunhada, o Brian e o Pietro estão que só amor e ódio, ou seja, brincam, conversam, se abraçam, mas daqui a pouco sai um empurrão, uma mordida, enfim...coisa de criança.

Abaixo é só um exemplo da bagunça que fizeram lá em casa, coisa mais linda.

Pietro arrancando o alho.


Com essas carinhas, eles podem enganar você.....




Depois do alho, resolveram atacar minhas folhagens.



Pietro mandando o Brian abrir a boca, todo médico!

Agora o Brian fez papel de médico.


sábado, 26 de outubro de 2013

Cama... caminha

Olá,

Posso ser um pouco criticada por deixar o Brian dormir na cama conosco, porém lembro que é opção minha mesmo e não me arrependo nem um pouco (pelo menos até agora).

O Brian dormia no berço dele desde bebê, até que um dia, ouvindo alguém falar que era mais prático dar de mamá na cama e o bebê já dormia em seus braços eu fiquei imaginando a cena...e fiquei bem vazia pois eu nunca tinha dormido com o Brian em meus braços.

Comecei pensar no quanto seria bom dormir abraçada no meu bebê, sentindo seu cheirinho e seu calor, e foi me dando esse desejo, pois o Brian não ficaria bebê para sempre, assim como os sapatos, praticamente todos me diziam que eu deveria acostumar o bebê com um sapatinho senão ele não ia querer usar sapatos e eu pensava, mas pra quê condicionar um bebê tão pequeno, além do mais nenhuma criança fica sem sapatos, todos usam, então quando chegada a hora ele também usaria.

E foi essa a minha lógica, o Brian não vai dormir comigo a vida toda, bem pelo contrário, vai chegar um momento que ele não vai mais querer meu colo, minha cama, enfim...e decidi colocá-lo na cama comigo. Faz pouco mais de um ano que temos o prazer de dormir com ele, sentindo seu cheirinho de chulé, levando pesada e cabeçada durante a noite, sim porque ele gosta mesmo é de abraçar o Gustavo e os pés ficam pra mim, mas tudo bem.

É ótimo quando ele me abraça e quer que eu deite a cabeça no ombro dele, quando dorme passando a mão em meu rosto, quando diz sonhando que me ama, isso é maravilhoso. Entretanto, irei reiniciá-lo na cama dele, aos poucos, mas eu mereço mais um pouquinho desse aconchego.

Até a próxima.
Andreia